Home > Destaques > Obra sem planejamento no Recife, prejudica trânsito para Paixão de Cristo de Nova Jerusalém

Obra sem planejamento no Recife, prejudica trânsito para Paixão de Cristo de Nova Jerusalém Jornalistas que se deslocavam da capital para fazer a cobertura em Nova Jerusalém só conseguiram chegar ao teatro quando o espetáculo já estava na terceira cena.

Pela primeira vez, em mais de meio século de história, o início o espetáculo da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém teve que ser retardado em 1 hora na última sexta-feira, 23. O motivo foi o atraso dos ônibus com a comitiva do Governo do Estado  e dos jornalistas convidados pela produção do evento ocasionado por um grande engarrafamento de trânsito provocado por obras que estão sendo realizadas na BR 232, no Curado, logo após o viaduto da Avenida Engenheiro Abdias de Carvalho.

Como a apresentação da sexta-feira era a pré-estreia da temporada 2018, que é reservada apenas para autoridades, convidados e imprensa, a coordenação do espetáculo decidiu não iniciar a peça teatral às 18 horas a fim de aguardar os convidados, que só não chegou com atraso ainda maior devido aos batedores da Polícia Militar que foram abrindo caminho em meio ao engarrafamento que chegava até a avenida Agamenon Magalhães.

A mesma sorte não teve os jornalistas que se deslocavam do Recife para fazer a cobertura do espetáculo. Sem a ajuda de batedores, o ônibus da Imprensa levou cerca de cinco horas para conseguir chegar à Nova Jerusalém. Em razão disso, só conseguiram chegar ao teatro quando o espetáculo já estava na terceira cena. Lamentável.

A realização de obras naquele trecho da BR 232, às vésperas do início da temporada de apresentações da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém, revela a falta de planejamento dos órgãos competentes, uma vez que as mesmas irão causar grandes transtornos ao público que se deslocar para assistir ao espetáculo por aquela via que, mesmo sem obras, já registra grandes engarrafamentos nos dias que antecedem os feriadões.

É de se esperar que os órgãos responsáveis pelas obras tomem providências urgentes a fim de solucionar esse problema que, com certeza, causará grandes transtornos à população que for à Nova Jerusalém este ano.

Comments

comments