Connect with us
http://jardimdoagreste.com.br/wp-content/uploads/2018/07/728x140.png

O Agreste

Tacaimbó é o 6º município a receber água da transposição do Rio São Francisco Arcoverde, Pesqueira, Belo Jardim , Sanharó e São Bento do Una já estão sendo atendidas por este sistema.

Published

on

Iniciou na quarta-feira (13) a distribuição de água em fase de testes para a cidade de Tacaimbó, no Agreste de Pernambuco, a partir do sistema integrado Adutora do Agreste-Moxotó, que está antecipando o uso da água da Transposição do Rio São Francisco.

O município é a sexta cidade beneficiada pelo novo sistema. Outros quatro municípios ainda serão contemplados, alcançando uma população de 400 mil pessoas. Em Tacaimbó, os bairros do Centro e Rua Velha são as primeiras localidades atendidas e a previsão é, dentro de 20 dias, abastecer todos os bairros da cidade com água da Transposição. Porém, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) adianta que o calendário de distribuição não será alterado de imediato em virtude da situação dos dois mananciais que atendem a cidade, a Barragem do Bitury e a Barragem Tabocas-Piaca, ambas localizadas na cidade de Belo Jardim.

Além de Tacaimbó, as cidades de Sanharó e São Bento do Una passaram a ser atendidas pelo sistema, ainda em fase de testes. Arcoverde, Pesqueira e Belo Jardim também já estão sendo abastecidas com águas da Transposição do Rio São Francisco. Alagoinha, Pedra, Venturosa e São Caetano são as próximas cidades a serem atendidas pelo Sistema da Adutora do Agreste-Moxotó.

G1 Caruaru

Comments

comments

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Belo Jardim

Bloco Cirúrgico do Hospital JAL em Belo Jardim é reaberto! O Hospital e os pacientes também receberam a visita do Prefeito Hélio dos Terrenos que junto com Sec. de Saúde acompanhou as cirurgias.

Published

on

Com muita expectativa as pessoas que estavam à espera de uma cirurgia, receberam a excelente notícia da reabertura do BLOCO CIRÚRGICO do Hospital Júlio Alves de Lira em Belo Jardim (PE), nesta manhã de sábado (23), inclusive com diversas cirurgias realizadas. Até o presente as seguintes cirurgias: histerectomia, colecistectomia, hérnia umbilical, glândula bartholinite. Dando início ao nosso círculo de cirurgias.

A felicidade da grande notícia contagiou a todos que fazem a família Júlio Alves de Lira, pois para quem atua como profissional de saúde, sente o prazer em ver rostos felizes de pessoas que deixaram a fila de espera.

“Não tenho palavras para descrever minha emoção, pois tenho mais de 20 anos como profissional desta área e hoje, me sinto honrado em dirigir a saúde de nosso município, saber que encontramos esse bloco cirúrgico em ruína e agora, entregar ele totalmente restaurado, foi preciso ouvir as críticas calado, mas sabia que Deus estava no comando e a confiança de nossa equipe com o apoio desse prefeito incansável chamado Hélio dos Terrenos, está devolvendo a cidade ao seu lugar de destaque, pois sei de como ele recebeu Belo Jardim, sinto orgulho em fazer parte da equipe dele”. Finalizou Zé Pereira, Secretário de Saúde.

O Hospital e os pacientes também receberam a ilustre visita do Prefeito Hélio dos Terrenos que fez questão de chegar cedinho mesmo sendo sábado para acompanhar as cirurgias.

Em suas palavras o Prefeito desabafou: “Escuto críticas de uma oposição de que geriu esse hospital e me entregou-o fechado, além de uma cidade em ruínas, mas não me curvei e nem me curvo a homem nenhum e graças a Deus, graças aos esforços de uma equipe aguerrida de muitas Marias e muitos Josés, pessoas, simples, homens e mulheres tiradas do meio do povo, estamos juntos governando nossa cidade, não escolhi medalhões, escolhi o povo e com esse povo que governo. Hélio continuou, hoje, é mais um dia histórico, é o dia em que o filho do pobre ou do rico, não importa sua conta bancaria, se precisar de uma cirurgia dentro de nossas competências, poderemos realizar “.

O prefeito ainda visitou enfermarias e em especial a ala dos berçários, onde a dezena de novos belo-jardinenses que nasceram dentro do nosso hospital estavam com suas mamães.

O povo nos corredores do hospital, além dos profissionais de saúde e médicos, todos eram só elogios ao Prefeito Hélio dos Terrenos.

Comments

comments

Continue Reading

O Agreste

Dia da resistência contra a Reforma da Previdência aconteceu em São Bento do Una Sispum, Vereador Diogo Professor e demais servidores participaram de evento com advogado Sec. de imprensa da CUT- PE.

Published

on

Trabalhadores e trabalhadoras do município de São Bento do Una (PE), através do SISPUM – Sindicato dos Servidores Públicos Municipais na manha desta sexta (22) puderam entender melhor e tirar todas suas dúvidas sobre o texto que o atual governo enviou à câmara do senado e dos deputados com as propostas que acabam de vez com a aposentadoria de todos nós!.

Os palestrantes nessa manhã foram o Dr. Rodrigo Galindo, advogado da CUT- PE e Fabiano Moura, secretário de imprensa também da CUT-PE. Entre os presentes, estavam a senhorita Jane Kelly Mendes diretora- presidente do PREVUNA( Instituto de Previdência dos Servidores Públicos Municipais de São Bento do Una), e o vereador Diogo Professor, Gomes, mais conhecido como Diogo professor, A presidente do SISPUM, Ana Izabel Cavalcante e diretores do Sindicato.

“A luta continua…Gestão Com Você + Forte Para Lutar!!!”

Comments

comments

Continue Reading

Destaques

Chuva forte em São Bento do Una faz açude sangrar pela primeira vez em anos As chuvas que também atingiram a nascente do Rio Una, que fica no município vizinho de Capoeiras, e por isso, o Açude Velho sangrou

Published

on

Moradores de São Bento do Una, no Agreste de Pernambuco, respiraram aliviados após anos castigados pela seca. Na madrugada deste sábado (23), o Açude Velho, que tem a nascente em Capoeiras, limite com São Bento do Una, sangrou após chover 40,67 milímetros no município, de acordo com a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac).

Segundo o diretor de cultura da Prefeitura de São Bento do Una, Ailton Campos, há anos o açude não sangrava porque o paredão estava rachado. “Quando chove forte em Capoeiras, nós ficamos na expectativa, mas há vários anos não sangrava por conta do paredão rachado. O Açude Velho é um patrimônio aqui da cidade”, afirmou. Ailton, que mora há mais de 50 anos em São Bento do Una, destacou que a chuva começou por volta da meia-noite e 55 minutos depois, o açude começou a sangrar.

“No centro de São Bento não choveu. Quando o pessoal que mora em Capoeiras disse que estava chovendo, nós achamos estranho. Há anos a gente sofre com a seca e hoje a cidade está em festa. No passado, o Açude Velho era como uma praia para os moradores daqui”, completou o diretor, que também é poeta e escreve sobre as belezas do município.

Veja o momento em que o açude começou a sangrar

Previsão do tempo

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a previsão para Capoeiras e São Bento do Una é de tempo nublado a parcialmente nublado com pancadas de chuva isolada ao longo deste sábado. Já a previsão deste domingo (24) para os dois municípios é de céu encoberto por nuvens e chuvisco.

Açude Velho, em São Bento do Una, sangrou pela primeira vez em vários anos ( JC Oline)

Comments

comments

Continue Reading

Trending

Copyright © 2019 Jrardim do Agreste