Cepe participa do FIG com lançamento de livros, debates e contação de histórias

Cepe participa do FIG com lançamento de livros, debates e contação de histórias

A Companhia Editora de Pernambuco estará presente na 30ª edição do Festival de Inverno de Garanhuns (FIG), no Agreste do Estado, com lançamento de livros, debate, contação de histórias e livraria. Gratuita e para todas as idades, a programação da Cepe Editora será realizada na Praça da Palavra Carolina Maria de Jesus, a partir de 21 de julho, quando será inaugurado o estande que leva o nome do escritor de Garanhuns Nivaldo Tenório, autor do livro de contos Verão (Cepe,2022), até o dia 30.

No sábado (23), às 10h, haverá o lançamento de Achados & Perdidos, vencedor do 3º Prêmio Cepe Nacional de Literatura Infantil e Infantojuvenil, em 2021. A atriz Yalle Feitosa fará contação de história do livro, de autoria de Rafael Nolli, mineiro de Araxá, que fala sobre as possibilidades de se perder e das tramas de se achar coisas. Ele ganhou na categoria infantojuvenil e as ilustrações são de Karina Freitas.

Premiado na categoria infantil do mesmo concurso, O encontro de Mário, da escritora carioca Marcia Cristina Silva, será lançado no domingo (24), às 10h. O livro, com 48 páginas e ilustrações de Catarina Bessell, narra a história de amizade entre um menino em situação de rua e um consertador de relógios, que adota a criança. Quem faz a contação de história sobre o título é a atriz Yalle Feitosa.

Ainda no domingo, às 18h, a Cepe lança a versão impressa de Estesia, de Cida Pedrosa, poeta pernambucana vencedora do Livro do Ano do Prêmio Jabuti 2020 (Solo para Vialejo, Cepe). Título do gênero poético haikai, Estesia é um relato do que a autora observou nas ruas esvaziadas do Recife no período mais crítico da pandemia da Covid-19, em 2020. Foi publicado inicialmente no formato digital.

Repórter especial da Continente, revista literária da Cepe, a jornalista Débora Nascimento vai conduzir uma conversa com o músico e escritor Cannibal, às 18h da terça-feira (26/07), na Praça da Palavra. A pauta inclui a trajetória do artista: a criação da banda Devotos, o movimento Manguebeat, o punk, a música contemporânea da periferia e o Alto José do Pinho, morro da Zona Norte do Recife e lugar de moradia de Cannibal.

Às 20h da quinta-feira (28), a Praça da Palavra recebe o lançamento do livro Festival de Inverno de Garanhuns – 30 Anos, com edição do jornalista Marcelo Pereira e coordenação da jornalista Michelle de Assumpção, que conta a história do FIG. Durante o festival, a Cepe Editora participa de outros eventos, como o laboratório Literatura e crítica – O caminho do conto, organizado pelo editor independente Wellington de Melo, a ser realizado nos dias 29 (sexta-feira) e 30 (sábado).

PROGRAMAÇÃO – AUDITÓRIO DO POLO LITERÁRIO NA PRAÇA DA PALAVRA

23 às 10h (Sábado)

Contação de História e Lançamento do livro Achados & Perdidos, de L. Rafael Nolli

24 às 10h (Domingo)

Contação de História e Lançamento do livro O encontro de Mário, de Marcia Cristina Silva

24 às 18h (Domingo)

Lançamento de Estesia, de Cida Pedrosa, com mediação de Helder Herik

26 às 18h (Terça-feira)

Mesa Continente – A jornalista Débora Nascimento faz a mediação de conversa com o músico Cannibal

28 às 16h (Quinta-feira)

Mesa Continente – As editoras da Continente, Adriana Dória Matos e Mariana Oliveira, conversam sobre o brega com os jornalistas e colaboradores da revista Antonio Lira e Chico Ludermir

28 às 18h (Quinta-feira)

Conversa com Nivaldo Tenório sobre o livro Verão, com mediação de Wellington de Melo

28 às 20h (Quinta-feira)

Lançamento do livro Festival de Inverno de Garanhuns (FIG) – 30 Anos

29 às 10h (Sexta-feira)

Contação de História e relançamento do livro O que é isso que eu sinto, de Marcela Egito

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.