Governadora em exercício Priscila Krause prestigia missa na 119ª Festa da Conceição do Morro

Luiz Silva
Luiz Silva
JARDIM DO AGRESTE

Celebração faz parte da programação da festividade, que irá até o dia 8 de dezembro


A tradicional Festa de Nossa Senhora da Imaculada Conceição foi prestigiada, nesta quinta-feira (30), pela governadora em exercício, Priscila Krause. A 119ª edição da celebração acontece no Morro da Conceição, em Casa Amarela, Zona Norte do Recife. A programação começou no dia 28 de novembro e segue até 8 de dezembro, incluindo missas, novenas, romaria, shows, confissões e a tradicional procissão.

O evento conta com o apoio do Governo de Pernambuco por meio da Secretaria de Cultura e Fundarpe, com o aporte de R$ 260 mil para contratações artísticas. “Em nome do Governo do Estado, eu agradeço e afirmo que estaremos sempre juntos, prontos, de portas abertas para apoiar o Morro da Conceição. Tanto a paróquia quanto a comunidade é importante para a formação da fé de grande parte do povo pernambucano e da própria história do Recife”, destacou Priscila Krause.


Este ano, o tema escolhido tem relação com o Ano Vocacional proposto pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB): “Imaculada Conceição do Morro, ensinai-nos que toda vocação é graça e missão dada por Deus”.


“Estamos neste ano vivenciando mais uma festa da Imaculada Conceição. O tema da festa está voltado ao ano vocacional, que é essa experiência dos peregrinos que vêm aqui ao santuário do Morro fazer a sua experiência de fé e, junto de Nossa Senhora, renovam a sua fé e a sua esperança”, comentou o reitor do santuário, padre Emerson Borges.


A secretária de Cultura do Estado, Cacau de Paula, fez questão de convocar todos os pernambucanos para a festividade. “A capital da fé pernambucana é aqui no Morro da Conceição. Até o dia 8 de dezembro vai ter uma série de programações, missas, terços e outros eventos religiosos e culturais também, então a programação está imperdível”.


A Festa da Conceição do Morro ganhou, no ano de 2022, o título de Patrimônio Imaterial de Pernambuco. A presidente da Fundarpe, Renata Borba, afirmou que, por isso, está garantida a salvaguarda da festa. “Este ano, em dezembro, está completando um ano que essa festa foi reconhecida como Patrimônio Imaterial do Estado de Pernambuco e já em outubro iniciaram os trabalhos para instituir, junto com à comunidade local, o plano de salvaguarda dessa festa tradicional.

E esse plano é construído, como é da natureza do Patrimônio Imaterial, com a comunidade e ela que vai salvaguardar esse bem cultural ao longo dessa história que tem mais de 100 anos para que seja perpetuada”, apontou.


Neste ano, pela primeira vez, a missa de encerramento da festa, que acontece na noite do dia 8 de dezembro, após a chegada da procissão, será celebrada por Dom Paulo Jackson, que tomou posse como arcebispo de Olinda e Recife no último mês de agosto.


Além da secretária de Cultura, também acompanharam a agenda os secretários estaduais Hercílio Mamede (Casa Militar) e Daniel Coelho (Turismo) e os vereadores do Recife Alcides Cardoso, Tadeu Calheiros e Doduel Varela.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anuncie Aqui

Banner (1080 x 1080 px)

Anuncie Aqui

Banner (1080 x 1080 px)
Útimas Notícias
Categorias

[GRÁTIS] 10 FORMAS DE GANHAR R$ 1.000 EM 7 DIAS

Baixe nosso ebook gratuitamente e comece a trilhar o caminho rumo ao seu sucesso financeiro!