Informação que o Cidadania poderá perder vaga na Câmara de Vereadores é fake news


A informação divulgada na manhã de hoje por um blog da cidade que notificou que o Cidadania em Belo Jardim poderia perder sua vaga na Câmara de Vereadores é fake news e foi desmentida pelo presidente do partido em entrevista ao BJ1.

O blog divulgou que a vaga do Cidadania poderia ser retirada devido a um membro do partido, Keda Bezerra, ter disputado a eleição com a sua candidatura indeferida pela Justiça Eleitoral e que os votos do candidato poderiam não ser contabilizados.

Thalles Bruno, que foi eleito vereador e preside a sigla, esclareceu a situação. “Independentemente dos votos serem contabilizados ou não, o Cidadania bateu o coeficiente eleitoral, inclusive passou ele. O coeficiente eleitoral ficou pouco mais de 2.900, próximo de três mil, e a gente somou quase quatro mil votos. Independente dos votos de Keda ou de outro candidato que não fosse contabilizado no partido a gente faria o coeficiente eleitoral e consequentemente, elege o vereador mais votado”, detalhou.

O futuro vereador foi além. “Só existe uma possibilidade de eu não ser vereador, eu me licenciando para ser secretário, mas vou ficar como vereador, ou eu falecendo”, disse.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.