Marília Arraes é destaque em evento de formação política para mulheres realizado em São Paulo

Luiz Silva
Luiz Silva
Precisamos de mais mulheres eleitas para superar os desafios na política. Tivemos alguns avanços, mas nossa representação ainda é baixa e ainda somos confrontadas pela violência de gênero

Evento é promovido pela Fundação 1º de Maio, braço de formação político-partidária do Solidariedade

A vice-presidente nacional do Solidariedade, Marília Arraes, participa, até o próximo domingo (03), da terceira edição do maior evento de formação política exclusivo para mulheres do Brasil, o Lidera+, promovido pela Fundação 1º de Maio, vinculada ao SD nacional. Realizado em Mairiporã (SP) o evento, que tem caráter híbrido, atenderá a 670 mulheres de todas as regiões do Brasil. A ação tem como objetivo incentivar e capacitar mulheres para que elas tenham mais representatividade e conquistem novos espaços no ambiente político.

Um dos principais nome do Solidariedade no país, Marília – cuja atuação política tem mais de 20 anos, sendo 14 cumprindo mandatos eletivos – fez uma apresentação sobre Liderança política feminina neste primeiro dia de atividades.

Vereadora do Recife (2009-2019), deputada federal (2019-2023), candidata a prefeita do Recife em 2020 (2º turno, 348.126 votos), candidata a governadora de Pernambuco em 2022 (2º turno, 2.190.264 votos) e dirigente partidária, Marília recebeu o carinho e respondeu com atenção as perguntas e dúvidas das participantes, muitas das quais estão se preparando para disputar mandatos, pela primeira vez, já em 2024.

Em sua fala, Marília destacou a importância do estímulo e geração de oportunidades para que mais mulheres possam ingressar e se firmar na esfera política. “Quando cada uma de nós abre caminhos as próximas gerações de mulheres, como as minhas filhas e outras tantas, encontrarão menos pedras que nós. E se nós conseguimos chegar até aqui é porque outras mulheres abriram os caminhos para que nós pudéssemos atravessar tantas adversidades”, destacou.

O Brasil está entre os países com menor representação feminina na política, ocupando a 142ª posição entre 191 nações citadas no mapa global de mulheres na política da Organização das Nações Unidas (ONU). Mesmo sendo maioria (53%) entre os 150 milhões de eleitores, elas são minoria nos cargos representativos e nas eleições proporcionais para as Casas Legislativas (Câmara, Senado, Assembleias estaduais e Câmaras Municipais).

“Precisamos de mais mulheres eleitas para superar os desafios na política. Tivemos alguns avanços, mas nossa representação ainda é baixa e ainda somos confrontadas pela violência de gênero”, salientou Marilia que sempre teve uma atuação pautada na luta pela ampliação dos espaços da mulher na vida pública, em especial na política.

PERNAMBUCO – No último mês de agosto, Marília Arraes comandou a etapa pernambucana da Caravana Lidera+, que recepcionou e foi a responsável pela escolha do grupo de mulheres pernambucanas que foram selecionadas para o evento nacional. Sete pernambucanas fazem parte do grupo de indicadas para participar da terceira edição do Lidera+.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anuncie Aqui

Banner (1080 x 1080 px)

Anuncie Aqui

Banner (1080 x 1080 px)
Útimas Notícias
Categorias

[GRÁTIS] 10 FORMAS DE GANHAR R$ 1.000 EM 7 DIAS

Baixe nosso ebook gratuitamente e comece a trilhar o caminho rumo ao seu sucesso financeiro!