Anderson aponta falta de conservação das rodovias estaduais como entrave para a retomada da economia no Agreste

  • By Luiz Silva
  • 18 de junho de 2022
  • 0
  • 165 Visualizações

Encontros com produtores da bacia leiteira e do setor do enoturismo da região do Agreste Meridional. Anderson e Gilson, estiveram nos municípios de Capoeiras, Garanhuns e Correntes para conversar com a população e comerciantes sobre as demandas da região

O presidente do Partido Liberal (PL) em Pernambuco e pré-candidato ao Governo do Estado, Anderson Ferreira, participou, nesta sexta-feira (17), de encontros com produtores da bacia leiteira e do setor do enoturismo da região do Agreste Meridional. Anderson e Gilson Machado Neto (PL), ex-ministro do Turismo e pré-candidato ao Senado, estiveram nos municípios de Capoeiras, Garanhuns e Correntes para conversar com a população e comerciantes sobre as demandas da região, e a falta de estrutura adequada nas rodovias estaduais foi apontada como um dos principais entraves para a retomada da economia local.

“Estamos há quase dois meses percorrendo o estado com a caravana Simbora Mudar Pernambuco e a falta de conservação das estradas estaduais é um tema recorrente em cada cidade por onde passamos. Além das questões relacionadas à segurança, rodovias sem a menor condição de trafegabilidade impactam diretamente no comércio e turismo, dois setores atrelados à geração de emprego e renda. É lamentável a gente escutar relatos sobre perda de produção e fechamento de postos de trabalho causado pela falta de sensibilidade do governo estadual”, apontou Anderson Ferreira.

Anderson e Gilson visitaram, em Capoeiras, a Feira do Queijo, onde participaram de um café da manhã com produtores da bacia leiteira do estado. Em seguida, os pré-candidatos visitaram a vinícola Vale das Colinas, em Garanhuns, que após dois anos, irá colher a primeira safra. “É mais uma opção para o enoturismo e que desperta a atenção do turista que opta por Garanhuns para curtir as temperaturas mais baixas. Mas é preciso que o governo estadual faça a sua parte e contribua para que o turista consiga ir e voltar com segurança, e que o comerciante não tenha perdas durante o escoamento dos produtos”, pontuou Anderson.

Foto: Hermes Costa Neto/Divulgação

LEIA TAMBÉM: Em giro pelo Agreste Mendonça Filho anuncia liberação de R$500 mil para a saúde de Cupira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.